Skip to main content

Fábio Faria, Ministro das Comunicações, afirmou que o 5G chegará a 20 pontos do Brasil neste ano e estará presente em todas as capitais até julho de 2022. A declaração foi feita no dia 9 de março em audiência pública da Câmara dos Deputados. Essa foi a 6ª reunião do grupo responsável pela implementação da tecnologia no país.

O ministro disse também que o governo tem compromisso com a agilidade para o leilão, mas não vai deixar de utilizar opções modernas para esse tema. Ele foi questionado sobre a viagem da comitiva brasileira em países como Finlândia, Suécia, Japão e China e respondeu que conheceram muitas maneiras diferentes de aplicações do 5g e até conheceram o 6G (que está em fase inicial de testes). 

O edital com as regras do leilão da tecnologia 5G foi aprovado pela Anatel, Agência Nacional de Telecomunicações, no dia 25 de fevereiro e agora está nas mãos do Tribunal de Contas da União (TCU). Até 25 de abril é estimado que o documento retorne à Anatel. Para saber mais detalhes sobre o edital, clique aqui.

Fábio Faria explicou durante a reunião do grupo no último dia 9 sobre os benefícios que a tecnologia nos trará: “É muito mais do que um aumento de potência e velocidade. Serão cem vezes de aumento e teremos uma redução muito grande na latência, o que vai permitir a um médico na capital federal operar um paciente na Amazônia. Outro exemplo está nos veículos. Nossos filhos vão poder ir à escola em um carro ou ônibus sem motorista e, para isso, precisamos do 5G standalone, que é o 5G puro”.

Thais Helena Bento

Thais Helena Bento

Jornalista formada pela PUC-Campinas. Tem 24 anos, trabalha na rádio CBN Campinas e apresenta/participa do CBN Esportes. É comunicativa, gosta de estar com a família e os amigos e valoriza muito as relações.