No lançamento do iPhone 12, em outubro, a Apple informou que os carregadores e fones de ouvidos não estariam inclusos na caixa do aparelho e mais um item pode ser retirado: o cabo Lightning para carregar e enviar dados.

iPhone deve ser vendido sem cabo, carregador e fone já foram retirados

Foto: Divulgação/Apple

A Apple realizou uma pesquisa com os consumidores para saber mais detalhes sobre o uso dessas ferramentas. Ao que tudo indica, esses números serão o parâmetro para retirar ou não o cabo USB.

O questionário tem perguntas sobre o uso do cabo Lightning para USB-C, adesivos, chave metálica para inserir/retirar o cartão SIM (o chip do celular) e sobre o manual.

Quando foi decidido retirar o carregador e fone, uma pesquisa também tinha sido feita anteriormente. No site da Apple, a empresa informava que o motivo era fatores ambientais.

“Nas embalagens do iPhone, estamos substituindo o adaptador de energia e fones de ouvido, que muitas vezes nem eram usados, por um cabo de USB-C para Lightning compatível com recarga rápida. Isso diminui o tamanho das embalagens e, com caixas menores, podemos enviar mais aparelhos em menos viagens. Também estamos ajudando nossos parceiros de fabricação na transição para energia renovável. No total, a redução em emissões de carbono ultrapassa dois milhões de toneladas por ano. Imagine 450 mil carros a menos rodando por ano. É a nossa redução de carbono.”

Mas como carregar o celular sem o cabo? A empresa tem divulgado o modelo por indução que atualmente é vendido separado do celular. Essa opção sem fio que carrega o aparelho através de indução magnética.

Foto: Reprodução/News Beezer

O modelo MagSafe mais simples custa US$ 39 nos Estados Unidos e R$ 499 no Brasil. Já o cabo Lightning USB-C (para carreamento normal de tomada 20W) é vendido por US$ 19 ou R$ 219.

Thais Helena Bento

Thais Helena Bento

Jornalista formada pela PUC-Campinas. Tem 23 anos e também atua como produtora esportiva. Comunicativa, gosta de estar com a família e os amigos no tempo livre e valoriza muito as relações.