Notícias

Procon-SP notifica Instagram e pede bloqueio de perfis falsos

By novembro 16, 2020 No Comments
Procon-SP notifica Instagram e pede bloqueio de perfis falsos do órgão

O Procon-SP enviou uma notificação ao Instagram para que a empresa faça o bloqueio imediato de todos os perfis falsos que fingem ser o órgão estadual para aplicar golpe dos usuários.

Além disso, pede também para que medidas de segurança sejam tomadas para que não haja mais a criação de novas contas fake. A notificação foi feita na última quinta-feira (12).

Foram identificados dez perfis falsos do Procon-SP nessa rede social. Os fraudadores entram em contato com as pessoas, pedem dados pessoas e aplicam golpes por mensagens no WhatsApp.

Os perfis falsos identificados são:

  • https://www.instagram.com/ouvidorias_procon/
  • https://www.instagram.com/suport_proconsp_4/
  • https://www.instagram.com/procon_sp.ofc/
  • https://www.instagram.com/suporte_procon_ofc/?igshid=d4dh9t5up0xq
  • https://www.instagram.com/suporte.procon2020/?igshid=e61eih8ul3tj
  • https://www.instagram.com/proconsp_suport/
  • https://www.instagram.com/suport_proconsp/
  • https://www.instagram.com/proconsp9/
  • https://www.instagram.com/proconmaranhaosuport/
  • https://www.instagram.com/sac_proconsp/

Os perfis oficiais do Procon-SP são @proconsp (Facebook e Instagram), @proconspoficial (Twitter) e procon.sp.gov.br (Site)

Recomendações do Procon-SP aos usuários:

Tenha cuidado ao acessar qualquer rede social;

Nunca envie seus dados pessoais a ninguém;

  • Faça uma verificação em um buscador (Google por exemplo) sobre informações oficiais da empresa ou instituição;
  • Avalie a atividade do perfil, considerando que a página oficial do Procon-SP posta vários conteúdos específicos sobre defesa do consumidor;
  • Verifique a data da criação do perfil. As contas do Procon-SP foram criadas em 2012 (Facebook e Twitter) e 2019 (Instagram);
  • Confirme a quantidade de seguidores do perfil: o Procon-SP possui 249 mil no Facebook, 56 mil no Twitter e 49 mil no Instagram.

Ao encontrar, o consumidor deve denunciar a página fake à instituição ou empresa que teve o nome usado de maneira inadequada e também ao Instagram (ou outra rede social).

Denúncias podem ser feitas através do site do Procon-SP ou app Procon.SP.

O órgão estadual tinha feito as denúncias ao aplicativo através da própria plataforma, mas novos perfis foram criados e os já existentes não foram bloqueados.

O Procon-SP segue monitorando as páginas e acionou a Polícia Civil do Estado de São Paulo.

Thais Helena Bento

Thais Helena Bento

Jornalista formada pela PUC-Campinas. Tem 23 anos e também atua como produtora esportiva. Comunicativa, gosta de estar com a família e os amigos no tempo livre e valoriza muito as relações.

Leave a Reply